sexta-feira, 30 de novembro de 2012

Está tão grande.....


É hoje!!! E depois de um dia muito mau, chega o 30 de Novembro. E porquê tanta excitação???

O MEU IRMÃO FAZ ANOOOOSSSSSSS!!!! VIVA!!!! PARABÉNS!!!!!

A minha criaturinha adorada, linda de morrer, inteligente que só ele (lolol, achei que este post devia ter humor), mal humorado e com mau feitio (tal qual a sorela) e, e só porque fazes anos hoje, fantástica, faz hoje 23 anos...tá um crescido (mais humor, lolol).

BEIJINHOOOOOSSSSS!

Vou festejar!

Truluruuuuu


quinta-feira, 29 de novembro de 2012

É tão triste...


Este país está em frangalhos...está uma vergonha...
Estamos a ser roubados, estão a ir-nos ao bolso. 
Nós trabalhamos, pagamos impostos, fazemos tudo por tudo para que esta economia não pare. Não se consome tanto, é certo, mas fazemos um esforço, temos que continuar a viver, compra-se o necessário e esforça-mo-nos para continuar a comprar, por mais que nos assole o medo do futuro.

Estamos numa situação económica muito periclitante, sim, mas será que as medidas que estão a ser tomadas serão as mais corretas? As mais decentes? As mais humanas? As mais dignas?

Não me parece. A cada dia sinto que estou a trabalhar não para mim e para os meus, mas para o Estado. Para alguém que devia estar a zelar por mim e pelos meus interesses, mas que não toma conta dos seus contribuintes. Não importa se somos novos ou velhos...cortam a torto e a direito.

Se houve uma altura em que considerava que tínhamos efectivamente que fazer sacrifícios pois não podíamos continuar a viver acima das nossas possibilidades, agora penso se não estarão a ser demasiado obtusos, se não estarão a ver números e troika  e em vez de pessoas e país. 

Recebi hoje uma carta no correio da Segurança Social.
Falava numa dívida na prestação à SS e remetia ao ano de 2009. 
Ora nessa altura estava a Recibos Verdes, mas sempre cumpri todas as minhas obrigações. Dou o benefício da dúvida pois tinha um trabalho em que estava sempre a viajar e até aceito o facto de me ter esquecido de alguma (não me parece normal, mas...).
Mas e o porquê de estar tão INDIGNADA????

Porque junto ao valor em falta vem um valor de juros, enoooorme.
E pergunto-me: Porque raio não me enviaram uma carta no mês seguinte à falta de pagamento??? Porque raio esperaram TRÊS ANOS, para dizer que havia um pagamento que estava em falta???

PORQUÊ????

Se isto não é um roubo, o que será então??

Se me tivessem enviado a carta mais cedo, estava tudo mais fresco na memória, os documentos estavam todos à mão, não havia lugar a pagamentos de juros.

Isto é SÉRIO???? Isto é JUSTO???

Se devo, tenho que pagar, quanto a isso, não há dúvidas, mas e os tais Juros? É leal o que este Estado está a fazer aos seus "filhos"? Aos seus "dependentes"? Aos que vão contribuindo? Aos que não querem cruzar os braços e querem continuara lutar por este país que já foi tão grande? tão nobre? tão valente?

Oh meu senhores, Portugal somos todos nós, já não estamos a apertar cintos, porque muitos de nós, já não têm calças para vestir.

Dê-nos um trégua que estamos a abafar e se abafamos...Portugal morre.

:(
Ontem foi dia de...



PILATES!O que eu adoro fazer Pilates...

Descobri esta modalidade há pouco tempo, mas apaixonei-me no primeiro exercício, no primeiro alongamento. 
Ao contrário do que muitos dizem, o Pilates é um desporto muito completo, tem exercícios aeróbicos, de força, de equilíbrio (e custa muitooo). Mexemos músculos, tendões, ligamentos que sequer acreditávamos que existiam no nosso corpo humano (há alguns que por mais que a Mestre Pilatona afirme e garanta que estão lá, eu continuo a não acreditar).
Eu sou muito pouco flexível, por isso, sempre que consigo ir mais além, fico satisfeita, realizada, com vontade de fazer mais e mais.

Resta acrescentar que é uma aula de amigas, Eu, a minha irmã D,a minha Mummy e a minha Sogra, lideradas pela maior ditadora, exigente, irritante (anda lá...tá quase...vais chegar lá...) e crente (ela acha que nós vamos conseguir, hahaha) Mestre Pilatona JC (ai que nome tão bíblico....isto é um bom presságio) que por acaso é nossa amiga há aaaaaanooooossssss.
Resumindo, as aulas além de produtivas são super hiper mega divertidas, com muito riso, muito esforço, pouca respiração (houve alguém ontem a ficar quase roxa, hahahahahahahaha) e muita vontade.

Recomendo a todos umas aulinhas de Pilates, rejuvenescem Corpo e Mente e até lá... CONTRAIAM O TRANSVERSO!!!


Truluruuuu

quarta-feira, 28 de novembro de 2012

Relatório Peixal III

Bom dia!!!

É com grande satisfação que digo - O POISSON ESTÁ SALVO!!!

Como sabem,tenho aqui no escritório um aquário, nele habitam 4 peixes, 2 enormes e 2 mais pequenitos.
O aquário está dividido em dois, de um lado manda o amarelo, do outro lado manda o branco. E os outros 2??? Bem os pobres têm uma vida complicada...um esconde-se nas rochas e sempre que dá o ar de sua graça é atacado violentamente pelos outros 2. 
O outro, está numa espécie de maternidade, à parte dos outros, pois quase que morria de tanto os outros lhe comerem as escamas e principalmente o rabo que se estava a transformar em algo bastante esquisito e esfiapado.

O amarelo passou um mau bocado...estava confuso, tombava, nadava de forma estranha... cheguei mesmo a temer pela vida do bicho. Com a ajuda de uma colega e com os conhecimentos super científicos do meu querido cunhado J ponto (private joke), pus mãos à obra.
Limpámos filtros, pusemos mais água, limpámos o mais que pudemos. O aquário ficou ainda melhor do que o que já estava (há males que vêm por bem, já que fizemos algo que já deveríamos ter feito há muito) e esperámos.

Na segunda-feira, quando cá cheguei,estava preparada para ver o peixe a boiar, mas o criaturo estava fino e tinha voltado ao normal.
Hoje, já alguns dias passados, posso convictamente dizer que o bicho está vivo e de saúde. (se morrer entretanto, olha...é um peixe já com alguma idade, mas o que ele tinha...nós curamos).

Relatório Peixal...over and out :)

Truluruuu

terça-feira, 27 de novembro de 2012

São 20.46h e...

ao contrário da minha resolução matinal, ainda não estou a dormir, no entanto...posso dizer que:

1 - cheguei a casa e tomei um banho QUEEENTINHO (que está um frio que se gela);

2 - vesti o PJ e os meus carapins made by Mila (super fashion);

3 - já jantei - qualquer dia faço um post só sobre os dotes culinários do Parolo (são de chef com estrelas Michelin);

4 - agora estou com o pc no colo, no sofá, quentinha, de mantinha e muito bem acompanhada.

Vou ler um pouco, relax e depois sim...o sono dos justos.

Até amanhã!

Truluruuuu

P.S. (jantar às 20h...carapins...mantinha...oh céus, juro que não tenho 80 anos :s)



Neste há Burro e Vaca e outras personagens


Eu adoro decorações de Natal, músicas de Natal, prendas de Natal, histórias de Natal, aventuras de Natal.

A minha tradição Natalícia ditava que a cada ano passava o Natal com a Avó Paterna e o Ano Novo com a Materna, e no ano seguinte era o inverso.
Ambos os Natais eram fantásticos, no entanto muito diferentes.
Se na casa de uma Mila éramos pouquinhos, o Pai Natal descia da chaminé sempre no momento exacto em que eu e os meus irmãos saíamos da sala (oh inocentes criaturas)e colocava os presentes de cada um junto ao sapato de cada qual.
Havia loto a feijões, chocolate quente à meia noite, muita batotice nas cartas (esta Mila é a maior batoteira do mundo em relação aos netos, mas umas das duas melhores avós do mundo), Farrapo-Velho e Bolinhos de Abóbora Bolina (não vou dizer tudo o que havia senão não saio daqui).

Na outra Mila éramos muitos, já havia primos, os presentes estavam depositados em baixo do pinheiro, havia representação (devo dizer que já desempenhei papeis tão importantes quanto - Anjo Gabriel - este papel mereceu palmas e pedidos de bis (não sei se pelo brilhantismo da actuação, ou pelo facto de não se ter percebido nada de tanta gargalhada que dava ; Pastor; Burro (mas com muito orgulho)- mas que arrancou lágrimas na Mila (esta é a outra melhor avó do mundo, claro!) de tanto rir, etc.
Havia Ensopado de Bacalhau, Sonhos e Filhoses.
De repente ouviam-se sinos e o Pai Natal entrava pela casa dentro (mas as prendas já lá estavam há uns dias....chiça, de repente sinto mesmo que me fizeram de burra, mesmo sem usar o carapuço em cena, lol).

Em ambas as casas havia calor, risos, amizade, buliço, conversas, era muito muito muito bom!
Agora continua a ser, mas agora há Natais em que já não está lá toda a gente, já faltam alguns, já voltamos para nossa casa no fim, já não ficamos todos juntos para o dia seguinte... 

Porque é que me lembrei disto hoje????
Porque cheguei a casa da minha mãe e ela estava assim:



Ps.Eu tentei e retentei e voltei a tentar por a foto direita...não consigo...grrr...que fúria...



Ai...


Hoje só um milagre me arrancou da cama. O milagre de pensar "logo quando chegar a casa vou IMEDIATAMENTE para a cama, nem janto nem nada". Se não fosse este pensamento, nada nem ninguém conseguiriam arrancar-me do quentinho da cama.

Eu sou uma pedra a dormir. É só deitar e em 5 minutos já estou em sono profundo, mas ontem deitei-me super tarde porque me distraí a ler, e fartei-me de sonhar a noite tooodaaaa.

Então não é que eu queria ir para Madrid mas não tinha mala, nem documentos?? E já estava na fila do check in...mas felizmente, a autoridade confiou na minha palavra e deixou-me passar (sim sim Bin Laden, só tinhas que jurar que eras tu e nunca ninguém desconfiaria que eras maléfico, daaah).
Enfim, lá entrei no aeroporto, mas quando sei por mim, estava na fila errada, a fila era enooorme e de gente intratável, malcriada e pouco solícita (e só pensava, como vou entrar no avião se não tenho bilhete????).

Acho que não cheguei a entrar no avião porque o despertador do Parolo tocou...o que me irritou de sobremaneira. Não, não foi por ter interrompido a minha viagem, mas sim porque o dele toca muito depois do meu....então quer dizer....hum...

Quer dizer que o teu telefone estúpido desligou-se e que estás ATRASADA. LEVANTA-TE, ARRANJA-TE E SAI DE CASA.

:( Detesto estas maquinetas nas quais depositamos total confiança e nos falham, detesto sair do quentinho, detesto acordar cansada, detesto andar a correr logo de manhã, detesto chegar 5 minutos atrasada e detesto não ser rica e poder fazer o que me apetece...

Tenho dito.

Truluruuu

segunda-feira, 26 de novembro de 2012

Brrrrrrr.....


É de mim ou está um fio do caneco??? Ainda não consegui aquecer hoje. 

Vou aquecer-me!

Truluruuu,

C'a fome...


Eu sou uma pessoa que ADOOOOOROO comer. Quem me conhece sabe, já que se nota a olhos vistos :s
Tomo sempre o pequeno almoço em casa e sabe-me pela vida a minha torrada (ou duas, vá) e o meu chá (ou leite com chocolate, que tristeza). Para o trabalho trago fruta e bolachas sem sabor, para ir comendo.
No entanto, a esta hora, sinto-me qual buraco negro, só dá vontade de abrir a boca e aspirar tudo o que está à minha volta (por favor retirar desta frase todo o exagero nela incluído).
Eu almoço diariamente na casa da minha mãe, já que é pertinho da empresa, e não é que sua excelência cozinha sempre bem e bom???
Isto até podia ser bom, mas fica um peso na balança (na consciência??? naaa, no que toca a comida, não tenho disso) que depois, custa a sair.

Mas eis que tomei uma decisão, a partir de hoje (isto já foi há uns dias) como a comida cozida e sem sal da C. Até nem me custa muito e até gosto. Depois é vê-los a comer iscas de bacalhau fantásticas, massas de aspecto fabuloso, bifes e batatas fritas. E eu?? Eu a ficar cada vez mais saudável :s

O que será o cardápio hoje??? Hum, o meu já sei, arroz com brócolos e cenoura e frango cozidos, mas e os outros...o que irão comer???

Enquanto isso, deixo aqui a imagem de algo DELICIOSO que comi em Paris a semana passada. E não, não era muito light, mas o que posso fazer?? Não estava lá a minha mãe nem a C para comer cozidos...



Relatório Peixal II


E após o fim de semana, o bicho está a aguentar-se ;)

Fight for your life poisson ;)

Será só de mim ou...


...ou o fim de semana só com 2 dias é muito pouco?

Eu acho que, a bem da nação, da economia do país, do contentamento geral do povo, do desenvolvimento cognitivo-cultural das gentes, o fim de semana devia ter 5 dias (sim...trabalhávamos só 2...acham pouco é??..hum...ok então, não vamos exagerar, voto em fins de semana com 4 dias! (Continua muito???)...

Vá, como sou uma pessoa que até gosta de trabalhar e do que faz, mas que adora bem mais o belo do relax de fim de semana, da preguiça, da letargia matinal, quero...quero não, EXIGO 3 dias a descansar e 4 a labutar. quem está comigo??

E agora, antes que passe a estar 7 dias a desempregar, vou mas é trabalhar ;)

(Estou uma poeta de categoria, hahaha)

Truluruuu

sábado, 24 de novembro de 2012

Flop, Flop, Flop...


Tanto plano, tanta combinação, para no fim a agenda virar um grande FLOP.

Antes de sair de casa para tomar café, andamos aqui a preguiçar, o que originou:
1-almoço muito alancharado;
2-não fiz 2 pinheiros, mas só um (o de cá de casa ficou em águas do próprio do bacalhau);
3-o café com amigos foi adiado;
4-o magusto por pouco não se transformou numa miragem...passo a explicar, a minha mummy lembrou-se de fazer castanhas...na lareira. No outro dia fez o teste e o fruto transformou-se em carvão :s como não é pessoa de desistir,iria tentar a façanha de novo hoje. 
A verdade é que correu bem melhor, no entanto a pobres das castanhas estiveram quase quase quase votadas ao esquecimento, não fosse o meu irmão, que até nem gosta de castanhas,lembrar que era dia de magusto (e quê??? O magusto é quando um homem quiser...ou tiver castanhas...).

Quanto à C, está tão constipadinha que até dói, mas brilhante como sempre.

J ponto (HAHAHA), já podes ir dormir, por hoje já não deve haver mais posts, vou ver um filmezito, ou ler um livrito, ou outro coisito qualquer ;p


Truluruuuuu


Sábado, here you are!


Finalmente chegou o Sábado :)

Não ter o despertador a tocar (hummm...então o que era aquela geringonça que às 7.30h estava a tocar???? - PAROLO, deixaste o despertador ligado, mas não te mexeste para o desligar, pois não??? Que nervoooos); ter o dia para fazer o que dá na real gana (ao que parece a agenda para hoje até já está um bocadinho preenchida, that means that não haverá tempo para temporadas vegetativas no sofá a ver filmes, o que é muito muito triste,só não é mais triste porque se confiarmos na nossa televisão, não se perde nada, nadinha).

No entanto, o pequeno almoço foi servido na cama - Grazie; não temos aquela pressa incrível de levantar, tomar banho e ir a correr trabalhar, agora vamos sair e dar um passeio, tomar café, comprar o jornal - ui..que cultos que eles são, almoçar tranquilinhos e depois...fazer 2 pinheiros, magusto tardio,jantar com a família, café com amigos...

O melhor de tudo é que vou estar com a coisa mais linda de todo o mundo e, quiça, arredores, a C a sobrinha mais fantástica do mundo, de 2 anos, uma inteligência de primeira, um humor de segunda e um feitio de terceira, é torcida a rapariga, mas enche-me as medidas, hahaha. 

Truluruuuu

sexta-feira, 23 de novembro de 2012

Ai....


Se fosse zilionária, a esta hora estava a dormir a sesta ;)

Relatório Peixal


Bom dia,

o poisson está vivo e parece estar a melhorar....a ver vamos.

Força Peixinho ;)

quinta-feira, 22 de novembro de 2012

Ai que dia...


Ele há dias que não se aguenta...estou tãaaao cansadaaaa.

Cedo, demasiado cedo, o meu vil carrasco toca incessantemente e obriga-me a levantar. Contrariada, ensonada, chateada, gelada lá me levanto...eis que começa um novo dia...

Trabalho e mais trabalho, chatices e mais chatices, baby sitting peixal (eu explico, no escritório tenho um aquário, e nele tem um peixe que...hum...está meio confuso, bate contra o vidro, anda de lado, fica paradito. Dá a sensação que não vai durar muito...detesto ver assim os animais :().

Mais trabalho, mais piolhices e tudo isto com uma dor de cabeça gigante...

Está frio...às 17,30 está de noite...ainda tenho que ir ao supermercado...não vejo a hora de chegar a casa.

Finalmente lá chego, preparo um jantar sublime e delicioso. Jantamos e pomos a conversa em dia.

E agora...agora estou a escrever, sentadinha no sofá, quentinha, confortável, muito muito bem.

Próximo passo: ir dormir, que os olhos já pesam, o corpo está shuting down e amanhã há um novo dia ;)


Truluruuu

quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Indo eu! Indo eu!


Ora pois que está quase na hora de ir buscar o Parolo que chega da capital e depois...depois é em modo treino e PILATAAAR!!!
Por falar nisso, acho que vou mas é pegar na agulha e no didal...detesto fazer estas bricolages, até porque tenho o jeito de um repolho manco para trabalhos manuais, mas não posso Pilatar com as calças descosidas, porque em posições estranhas fica deveras peculiar. (ou então...vou ali comprar umas calças novas que a economia precisa de quem venda e de quem esteja necessitado de comprar).


Trulurruuuu

Hello!!


Ora ontem andei pelo Berço da Nacionalidade! Não, não andei a visitar a Capital da Cultura, mas sim a trabalhar.
O tempo ajudou, e facilitou a minha jornada. Conheci pessoas super simpáticas e deslumbrei-me com algumas paisagens de lugares por onde passei.
Mas enquanto eu estava no berço...o Parolo estava na Capital. oh...a distância...o horror...o terror...hahaha, não, não somos lamechas, não pensem que isto é um blog cor de rosinha, cheio de corações, suspiros, nuvens de algodão...nops, não somos desses.
A verdade é que estávamos ambos a trabalho, confiantes e completamente absorvidos pelas nossas responsabilidades.

O nosso trabalho já foi diferente, já foi o mesmo e agora complementa-se. A empresa não é a mesma, a verdade é que é bem diferente, mas estamos ambos muito bem e lutamos todos os dias pelas empresas como se fossem nossas. Um dia chegaremos lá...Imperadores do Mar...não, não somos pescadores.

Agora...ao trabalho!

Truluruuuu!

segunda-feira, 19 de novembro de 2012

Et Voilá!


Finalmente.... finalmente este blog vê a luz do dia. 

Depois de muitas hesitações, da busca incessante do nome perfeito (quem diria...pensaste tanto e sai isto??? ó imaginação fértil..onde andas tu???) de muito to be or not to be...eis  senão quando, numa viagem de autocarro (não um autocarro qualquer, entenda-se, um shuttle de ligação Beauvais - Paris, sim sim...viajo em low cost) de uma conversa animada entre mim e o Parolo, qual momento iluminado de verdadeira poesia, surge o nome que se encaixa como uma luva nas minhas pretensões "blóguicas".
Não tenho grandes ambições, apenas um espaço tranquilo onde possa escrever sobre tudo e sobre nada, sobre aventuras, anseios, devaneios, peripécias. 
Quero escrever quando quero partilhar histórias com amigos, quero escrever quando estou triste e preocupada, quando estou a meio do trabalho e preciso de uma inspiração ou quando estou, ao fim de semana, esparramada no sofá, embrulhada numa manta.
Vou partilhar risos, histórias e...tendencialmente, muitos disparates.

Esta sou EU!